• Cenagri Jr.

Café Sombreado

O café está presente no dia a dia da maioria dos brasileiros, o país é o maior exportador do mundo e recentemente ultrapassou os Estados Unidos, se tornando também o maior consumidor de café. Mercado consumidor esse que progressivamente procura cafés especiais, orgânicos e/ou sombreados e que também detenham uma preocupação ambiental.


O café sombreado é uma prática antiga muito difundida na Colômbia e Costa Rica, já no Brasil a prática perdeu força décadas atrás e recentemente voltou a ser aplicada. Antigamente a técnica era mal empregada.


O café é oriundo de regiões de sub-bosques, ou seja, de meia sombra. Assim, a área não necessita ser inteiramente sombreada, apenas ¼ a ⅙ com zona de sombreamento é suficiente para criar um microclima mais favorável para a planta. Mas quais são as vantagens, desvantagens e cuidados a serem tomados pelo produtor para esse cultivo?



A utilização do sombreamento proporciona uma maturação mais lenta dos grãos, permitindo uma colheita seletiva e alcançando uma bebida de melhor qualidade, diminui a bienalidade da produção, acarreta uma menor amplitude térmica e incidência de ventos com a proteção das árvores. Viabiliza uma maior quantidade de matéria orgânica, fauna, fixação biológica de N, ciclagem de nutrientes e menor erosão do solo. Ocorre uma redução da infestação de plantas daninhas na lavoura, baixo ataque de bicho mineiro e menor incidência da seca de ponteiros e da cercosporiose. Além do produtor ter uma renda extra com os produtos madeireiros e não-madeireiros.


Contudo, alguns estudos demonstra uma baixa na produção ao observar menos flores em cafezais sombreados, além de uma possível alta na incidência de broca do cafeeiro, ferrugem do cafeeiro e mancha olho-de-galo.


Ao optar pelo cultivo do café sombreado deve-se atentar a escolha da espécie de sombreamento, ao clima, altitude, além do manejo apropriado. Tornando-se assim, uma alternativa viável para o produtor que obterá um produto de melhor qualidade, mais rentável e consequentemente o retorno da cultura consorciada.



Referências:

MANCUSO, M. A. C., SORATTO, R. P., PERDONA, M. J. Produção de café sombreado. UNESP Botucatu. Disponível em: <https://bit.ly/2Sg0h3v>


COSTA, R. S. C. Adequação de sistema de produção de café sombreado em Rondônia e Acre. Embrapa, 2019. Disponível: <https://bit.ly/2Gdf9x8>


ROSSI, J. Café sombreado. GESP. Disponível em: <https://bit.ly/3jjoamG>

Gostou desse conteúdo e tem interesse em mais informações ou precisa de ajuda com sua lavoura?

Entre em contato com nossa empresa, temos o projeto ideal para sua realidade!

Fone: (11) 9 7024-1811


  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Instagram Preto
  • LinkedIn - Black Circle

Avenida Universitária, nº 3780 - Altos do paraíso

Botucatu - SP

Sítio Modelo

(11) 97024-1811
(11) 98351-3265

  • Facebook - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle